Preciso mesmo formatar o notebook? Quais os riscos eu corro?

Muita gente fica com essa dúvida: tenho mesmo que formatar o notebook? Aí eu vou mais além e levanto uma outra questão: qual a hora certa para formatar o computador?

Não só para levantar questionamentos, mas também trazer algumas respostas com base nas minhas experiências, afirmo que nem sempre a melhor maneira de resolver os problemas do seu computador é formatando-o. Em vários casos, essa hipótese não pode nem ser cogitada e mais na frente eu vou dizer os porquês.

formatar o notebook

Dependendo do profissional que você escolher para realizar o procedimento técnico, ele saberá orientar e mostrará as possibilidades mais inteligentes, mesmo se a escolha for por formatar o notebook.

Todas as referências relacionadas à formatar notebooks podem ser aplicadas de forma semelhante aos computadores desktops (os chamados PC). O processo realmente pode ser feito em ambos os tipos de equipamentos e se por acaso eu fizer referência a notebook ou a pc nesse artigo, entenda que em ambos podem ser aplicados os conceitos.

A não ser que você esteja comprando um notebook novo cujo sistema operacional não seja de sua preferência ou um notebook usado, aí eu recomendo formatar o notebook sem se preocupar tanto, pois essas informações contidas nele não são importantes e você não sofrerá perdas.

Recomendo a leitura: sobre o notebook ideal para uso pessoal e as 10 melhores marcas de notebooks do mundo atualmente.

Em quais circunstâncias devo formatar o notebook?

formatar o pc

Aqui começa a nossa jornada e você poderá ter conhecimentos mais sólidos e precisos para escolher o momento certo de formatar o notebook. Dessa forma, você evita o desperdício de tempo e dinheiro.

A formatação de notebooks é um processo bem simples de ser feito e não exige um conhecimento avançado em computadores. Apesar de simples, envolve outros detalhes que aí sim precisam de alguém com mais experiência e cautela. Me refiro a preservação das suas informações e de uma boa configuração do equipamento.

Alguns preferem pagar, o que nós da área chamamos de “sobrinhos” – aqueles “amadores” que cobram bem abaixo do valor de mercado para fazer uma graninha extra. Se você tem amor ao seu precioso dinheiro e pretende manter o seu equipamento e suas informações seguras, recomendo que fuja dessa turma do “armengo”. Prefira sempre um serviço profissional, mesmo que custe um pouco a mais. No final, a garantia e a qualidade do serviço prestado vai compensar.

#1 O notebook não está iniciando

erro ao iniciar notebook

Se o sistema do seu notebook não está iniciando e aparece alguns erros ou tela preta quando você liga, possa ser que uma reparação com o próprio CD/DVD do sistema operacional resolva. Essa seria a primeira ação de alguém que tenha conhecimentos em informática “mais avançados”.

Obviamente nem sempre o procedimento é tão simples assim. Esse problema pode não ser somente por questões de erros no registro do sistema operacional, mas também por causa de vírus ou até mesmo problemas com algumas das placas: memória, placa mãe…

Profissionais mais equipados conseguem recuperar todos os seus dados e reverter o problema mesmo sem formatar o notebook. Talvez pela agilidade e para não ficar quebrando tanto a cabeça, a solução imediata seria mesmo formatar (se permitido e analisado antes com o cliente).

Mais na frente eu falo sobre os cuidados que você deve ter antes de formatar um notebook.

#2 Disco rígido cheio

hd notebook cheio

Disco rígido, mais conhecido como HD, são abarrotados de arquivos por anos e nem sempre de maneira organizada. Por falta de conhecimento sobre a importância de uma boa manutenção preventiva acabam encontrando a formatação de notebook como uma solução mais rápida e menos “complicada”.

Muitos arquivos temporários, cookies e vários outros arquivos “perdidos” que acabam travando o notebook, sem contar os mais diversos programas que inicializam junto com o próprio sistema operacional. O skype, por exemplo, “não precisaria” ser inicializado junto com o sistema, entre outros aplicativos de terceiros que acabam consumindo muito recurso do seu equipamento mesmo você não utilizando.

Para essa situação, antes de formatar o notebook, certifique-se de fazer um backup dos seus arquivos e fazer um levantamento de todos os programas essenciais que tem nele.

Recomendo a leitura: Programas essenciais que não devem faltar no seu computador.

#3 Muitos erros

muitos erros formatar notebook

Esse é um dos principais motivos que leva o notebook para ser formatado. Além de um monte de erros de sistema desconhecidos, vários vírus e programas deixando de funcionar, faz com que a alternativa mais interessante e rápida seja formatar o notebook. Sempre lembrando que para essa decisão mais drástica, o ideal é analisar bem os impactos após esse procedimento.

Quando o notebook é formatado, todos os seus arquivos e sistemas são excluídos. O HD (disco rígido), que guarda esses arquivos é apagado e a partir daí tudo o que você tinha já não existe mais. Se você tem algum programa de terceiros que depende para poder realizar alguma atividade, verifique se tem uma cópia desse programa (CD/DVD de instalação, no pendrive…) ou entre em contato com o fabricante.

Geralmente esses erros começam a aparecer depois de muitos downloads na internet de arquivos com procedência duvidosa, arquivos pirateados ou pendrives cheios de vírus. Recomendo fortemente que se atente e instale um excelente antivírus para o seu notebook.

Muitas vezes é possível reverter esses erros e eliminar esses vírus, mas o mais fácil e rápido é formatar o notebook.

#4 Trocar de sistema operacional

trocar sistema operacional

Essa seria uma boa razão para formatar o notebook. Em alguns casos esse processo explícito de formatação não é necessário, pois o próprio processo de instalação atualiza e faz os ajustes necessários para alocar o novo sistema. Confesso que prefiro seguir o procedimento manualmente para correr menos riscos e acompanhar passo a passo o que está sendo feito e não deixando nada do antigo nessa nova instalação. Faça BACKUP!

Com o avanço das tecnologias, os sistemas operacionais acompanham essa evolução. É interessante seguir essas atualizações, mas prefiram fazer mudanças quando o sistema estiver estável. Acompanhar as reclamações de usuários do novo sistema na internet ajuda a identificar se está ou não na hora dessa atualização/aquisição.

#5 O notebook está lento

notebook lento e travando

Nesse caso, nem sempre o ideal é a formatação. Um bom técnico de informática saberá fazer os devidos ajustes e as reparações necessárias para que seu notebook volte a funcionar com todo o potencial que tem.

Alguns, “os menos profissionais”, preferem resolver logo formatando o notebook. Não teria problemas se os dados fossem recuperados e os programas fossem reinstalados conforme estavam, mas nem sempre consegue-se recuperar tudo.

O mais recomendado para esse sintoma é uma boa manutenção e uma boa limpeza interna no notebook (é um pouco mais complexo que as limpezas internas em pc). O acúmulo de poeira é um dos causadores de lentidão em equipamentos e não tem nada a ver com erros lógicos. Vale considerar esses reparos antes de formatar o notebook.

Como dito anteriormente, é preciso pensar bem antes de formatar o computador. Converse com o técnico e faça uma lista do que não pode ser perdido. Os dados, por exemplo, são recuperáveis através de backups, porém os programas (quase que 100%) não são. É preciso refazer a instalação de todos eles. Alguns programas o técnico instala tranquilamente, outros, porém, você precisará ter os arquivos de instalação (geralmente programas específicos para uma área comercial).

Ferramentas essenciais para formatar notebook

ferramentas essenciais para técnico de informática

Para qualquer reparo em equipamento, seja ele formatar o notebook ou formatar o pc, algumas ferramentas são essenciais para o cuidado apropriado. É aqui que se separa os profissionais dos “sobrinhos”.

Vejo muitos fazendo uso de faca (aquelas de cozinha) para abrir computadores e notebooks. Não é preciso ser muito esperto para entender que danifica o equipamento, correto? O tempo de vida útil já não é mais tão longo assim e se for atendido por esse tipo de “profissional”, a chance de diminuir ainda mais a vida útil do seu equipamento é bem grande.

Então, antes de entregar seu equipamento nas mãos de qualquer um, visite-o e conheça o seu ambiente de trabalho. Veja se ele tem as ferramentas essenciais para um técnico de informática:

  • Chaves de fenda e chaves de precisão (principalmente para notebooks).
  • Pinças e pegadores.
  • Estilete e alicates para cortar braçadeiras (braçadeiras são bem interessantes para organizar cabos e fiação interna no equipamento, principalmente em pc).
  • Pincéis e escovas apropriadas para limpeza de componentes de hardware.
  • Multímetro para analisar correntes elétricas e testes em fontes de alimentação.
  • Pulseira antiestática para evitar danos nos componentes.
  • Pasta térmica.
  • Limpa contato e álcool isopropílico para limpeza de placas e componentes, entre outros.

Sei que nem sempre é fácil conferir a estrutura que o técnico de informática tem para lhe atender, ainda mais se você for leigo no assunto, mas tenha como base o que está sendo exposto aqui e se preciso, imprima e faça os devidos questionamentos. Parece bobagem todo esse cuidado, porém quem já passou por perdas de dados ou notebooks danificados entenderá que vale a pena toda essa “chatice”.

Quais os cuidados antes de formatar meu notebook?

Digamos que já fora tomada a decisão de formatar o notebook, quais os cuidados devemos ter antes de iniciar o processo? Além de avaliar rigorosamente o profissional que vai dar manutenção no seu equipamento.

Termo de responsabilidade

termo de responsabilidade para formatar o notebook

Quando se trata de prestação de serviço, qualquer tipo de negociação não pode ser feita apenas verbalmente. Há sempre o risco de alguma coisa não sair conforme combinado e nessas horas um documento assinado garante direitos (e deveres).

Além desse compromisso descrito em papel e assinado por ambas as partes, todo técnico que atue profissionalmente no mercado entrega um relatório do que foi realizado no equipamento. Alguns, até mais organizados e cuidadosos, adicionam imagens para comprovar os serviços realizados.

Ateste que o técnico que for lhe atender trabalhe com toda essa organização. Esse tipo de relatório dá transparência no processo e evita qualquer inconsistência.

Não esquecendo de estabelecer um período de garantia de manutenção para o notebook, pois se por uma infelicidade ocorrer algum problema, você estará protegido e poderá ser ressarcido.

Softwares

softwares para notebook

Além dos softwares para o processo de formatação (CD/DVD ou o pendrive do sistema operacional), alguns outros programas precisam ser instalados para equipar o notebook, por exemplo o antivírus. Muitos deles são baixados gratuitamente pela internet, outros, caso seja a vontade do cliente, são pagos.

Veja aqui quais programas essenciais são gratuitos que o técnico pode instalar no seu notebook sem custo adicional: programas essenciais gratuitos.

O próprio sistema operacional Windows não é gratuito. Muitos instalam de forma pirata, mas não é o que recomendo. Tem o sistema operacional Linux que é totalmente gratuito, porém é menos popular para os usuários finais. Aqueles programas que realmente são essenciais para mim e não tenha versões semelhantes gratuito, eu compro. Faço uso das versões de testes para eu ter certeza de que preciso deles e depois faço a aquisição.

Caso eu não queira comprar, seja pelo preço ou qualquer outro motivo, procuro outros fornecedores com propostas semelhantes. Você vai se surpreender com tantas opções gratuitas bem semelhantes.

Backup

fazer backup notebook

Com certeza quando falamos em formatar o notebook esse procedimento é o mais importante. Fazer backup nada mais é que guardar com segurança todas as suas informações que estão armazenadas no equipamento (no HD para ser mais específico) para depois da formatação, restaurá-las.

Como o HD (disco rígido) será apagado por completo no processo de formatação, é preciso garantir que seus arquivos estarão salvos. Depois de finalizado e configurado o equipamento, os arquivos são colocados de volta como se nada tivesse acontecido.

Lidar com arquivos pessoais exige muito profissionalismo. São fotos, vídeos e muita coisa pessoal que só mesmo quem atua com discrição e conhece suas responsabilidades para poder tocar no equipamento. Casos e mais casos de fotos e vídeos expostos justamente pela má escolha do técnico.

Os riscos são menores com os termos de compromissos estabelecidos e se em algum momento ocorrer invasão de privacidade ou exposição pessoal, esses termos darão base legal para recorrer aos seus direitos.

Muito melhor que ensinar a formatar o notebook em casa nesse primeiro momento, é educá-lo e mostrar como se deve agir quando precisar desse tipo de serviço. Talvez, se eu receber pedidos para gravar vídeos ensinando a fazer a própria formatação em casa mesmo não sendo técnico para evitar esse tipo de exposição, eu pense em gravar uma série em vídeo ensinando passo a passo como formatar notebook.

Uma boa manutenção preventiva (a cada 2 meses, por exemplo) vai excluir essa necessidade de formatar o notebook. Evite se alimentar próximo do equipamento, instale um bom antivírus e de vez em quando utilize algum programa básico de limpeza de cookies, registros, arquivos temporários para não chegar ao ponto de ter que formatar. Programas como AdwCleaner ou CCleaner são boas opções gratuitas para auxiliar nessas manutenções básicas de notebook ou pc.

Portanto, para você não precisar formatar o notebook o melhor antídoto é o cuidado. Essa prevenção, além de aumentar o tempo de vida útil do equipamento, diminui a quantidade de vezes que precisará formatar o computador. Com isso, evita expor suas informações à terceiros e sua intimidade fica resguardada.

Gostou das sugestões? Compartilhe nas redes sociais e ajude outras pessoas a entenderem esses passos tão importantes. Abraço e nos vemos em breve. Ops! Já ia me esquecendo: cadastre seu e-mail na minha lista de contatos VIP e receba dicas exclusivas de graça.

Márcio França Lima

Márcio França Lima

Márcio França Lima é Analista de Sistemas por formação, Consultor por paixão, Professor por opção e resolvedor de problemas por necessidade de mercado.

Website: http://www.marciofrancalima.com.br

4 Comentários

  1. uso computadores desde 1994, aprendi na marra a fazer a maior parte destas tarefas sozinho, para os amigos, tios etc. Mas hoje prefiro contratar um profissional para executar a tarefa, eles tem mais ferramentas e mais acessorios como você mesmo colocou, o texto é extremamente útil, principalmente para pessoas que não entendem ou não quer se dar ao trabalho de pegar e fazer. Fora casos como de artistas que tiveram suas intimidades reveladas, ou tantos outros que ficaram apenas no ambito da chantagem. Parabens pela utilidade obs: vai trazer muitos clientes pela busca organica. rsrs.

    • Muito interessante seu comentário, Henrique. Sua visão acrescenta e muito ao artigo. Sinta-se convidado a participar mais vezes por aqui. Obrigado!

  2. LILIANE DOMINGUES

    Olá, não tenho muito conhecimento técnico, porém tenho uma boa noção de instalar, limpar e manter os arquivos organizados no PC ou Notebook, minha colocação é a seguinte quando pegamos uma máquina nova, zerada há necessidade de mandar para a formatação?

    • Não precisa! Como eu sou bastante cuidadoso, acabo que formato e ajusto as configurações e instalações ao meu gosto, mas não que seja necessário que faça isso. Apenas desinstale algo de fábrica que você julgue não precisar e instale um bom antivírus. Geralmente já vem com todos os drivers e recursos essenciais de fábrica 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *